Blog da Networking Assessoria – Networking Assessoria

Você conhece os Prosumers? Pois devia…

Se você conhece alguém que não está em alguma rede social mesmo sem querer essa pessoa será taxada de estranha.

As redes sócias fazem parte da nossa vida, se faz de tudo ali lá. Desde ver a meteorologia até namorar. E bilhões de compras são feitas todo dia. E toda a empresa que se prese quer uma fatia dessas negociações. E as estratégias são as mais variadas possíveis.

Hoje vamos falar dos Prosumers.

O que é um Prosumers?

No momento em que a internet se tornou um território onde cada um poderia expor as suas ideias e os consumidores começaram a falar, e hoje eles tomaram a dianteira e estão no controle da relação de consumo.
Conquistar a empatia e fidelidade de um consumidor se mostra uma missão bem difícil, mantê-lo satisfeito, é a meta diária das empresas. Isso porque eles sabem que se você não oferece o melhor, a concorrência vai oferecer.

Esses consumidores mais conscientes, preocupadas com os produtos que consomem, estão muito ativos na internet e nas redes sociais.

Eles possuem blogs, sites, perfis e páginas onde criam e consomem conteúdo. Compartilham, comentam, participam de debates e discussões, estão altamente conectadas e familiarizadas com cada plataforma de interação online. Muito mais que a maioria das empresas que estão no mercado hoje.
São verdadeiras influenciadoras do pensar e agir alheio. São o que a sua marca precisa e o que ela deve temer se fizer algo errado.

Como os Prosumers impactam a sua estratégia

Eles estão atentos a cada novidade que sai e a novas tendências e inovações. Muitas vezes acabam influenciando os lançamentos de novos produtos das empresas que seguem. Se você souber ouvi-los, poderá antecipar mudanças, soluções, tecnologias e inovações, ganhando competitividade.

Além disso, como consomem e produzem muito conteúdo, são as pessoas certas para você trazer para ajudá-lo no seu marketing de conteúdo:

Saber o que o seu público quer ler, onde quer ouvir, como quer ver, onde ele vai consumir o seu conteúdo. Enfim todo o trabalho de como otimizar o seu esforço nas mídias já está feito e mapeado, basta você perguntar para eles. Estudando o comportamento dos Prosumers você estará direcionando suas estratégias de marketing digital para um público seleto, formador de opinião e com alta capacidade para fazer com que mais e mais pessoas te ouçam.
E sem sombra de dúvidas você não vai querer um deles falando mal da sua empresa.

Como você faz para atrair os Prosumers:

Sua empresa deve primeiro mapear quem são eles, e definir algumas estratégias para eles. Vamos listar algumas:

Crie engajamento com eles

Traga os Prosumers para debates sobre a sua marca. Convide-os para auxiliarem na criação ou reformulação de novos produtos, deixe que eles escrevam matérias no blog da sua empresa e principalmente escute o que eles tem a falar sobre a integração nas redes sociais.

Dê a eles experiências únicas

Prosumers são fãs de marcas que saem do lugar comum e proporcionam experiências únicas, marcantes. Chame para eventos que a empresa patrocinar, faça um tour pelas dependências da empresa e conhecer os bastidores dela, dê amostras dos seus produtos e peça o feedback sincero delas. Valorize essas pessoas para que elas valorizem sua marca.

Construa pontes reais entre a marca e os Prosumers

Seja autêntico na relação que estabelece com eles, ouça-os de verdade, dê feedback, contribua, gere valor. Reconheça seus erros, agradeça as contribuições, implemente as boas ideias. E comunique isso ao seu público. Assim você vai criar uma relação real com os seus clientes de forma que eles vejam a empresa como uma “pessoa” e não como uma “coisa”.

Suas redes sociais devem ser o seu espelho

Os Prosumers são usuários assíduos de redes sociais, nada melhor para conhecê-los que seguir os seus perfis. Esteja nas plataformas onde eles estão, leia o conteúdo que eles leem, veja o que eles compartilham, como compartilham e quais sentimentos estão envolvidos. Como já foi falado eles são a sua melhor fonte de informações para traçar as necessidades do seu público e se antecipar as tendências que estão vindo.

E não pense que isso só serve para jovens não, que o seu segmento não tem isso ou que não vai dar em nada. Todo o segmento tem os seus Prosumers, muitos deles nem percebem o potencial que tem e muito menos o alcance. Cabe a cada empresa fazer esse estudo para estabelecer e identificar quem é o “Cara” do seu segmento.

Não deixe para amanhã, pois o seu concorrente com certeza não vai deixar.

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados). Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa em aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

Precisamos falar sobre Branding

“Branding é o conjunto de ações alinhadas ao posicionamento, propósito e valores da marca. O objetivo do branding é despertar sensações e criar conexões conscientes e inconscientes, que serão cruciais para que o cliente escolha a sua marca no momento de decisão de compra do produto ou serviço. ”

OK. Isso é muito bonito. Mas sua empresa realmente precisa disso?

A resposta é: Sim, precisa. Mas não da forma que muitos falam.

Uma empresa de micro ou pequeno porte está preocupa em sobreviver, conseguir novos clientes, atender aos prazos e aumentar o caixa. Muitas delas nem tem um setor de marketing muito menos pensam em Branding ou valor da marca.
Deveriam, mas não o fazem.

Então como você pode aplicar as estratégias de branding a sua empresa sem entender muito de marketing?

É isso que vamos falar aqui. Dá uma olhada.

Sua Marca é um ativo da empresa

A sua marca é todo o conjunto de coisas que te representa, que te anuncia, que te fale por você.
E não só isso ela é também é aquilo que envolve a percepção das pessoas sobre a sua empresa. Essa percepção é o que torna o seu produto único e especial para o seu cliente. Uma marca forte pode se destacar no seu segmento. Por isso zelar pela imagem da marca é algo tão importante.

Identidade visual

Isso engloba todas as formas de representação visual da sua marca desde o seu logo, a tipografia, o estilo de foto, fontes, cores…. Enfim tudo que leve a sua marca e ajude a criar uma identidade que o seu cliente reconheça você.


E-branding


Como não podia ser diferente vamos falar um pouco de como fazer isso no digital .
com a internet e os dispositivos móveis, ficou mais fácil criar e espalhar conteúdos de marca.
Redes sociais vêm estimulando parcerias, anúncios e a veiculação de material de todo tipo de empresa nas suas plataformas. As práticas de digital branding, ou e-branding, trabalham nessa frente. Elas usam plataformas digitais para divulgar seus produtos e soluções, para criar fortes elos com os clientes, mas também para diminuir a distância entre eles.

Não se envolva em “tretas da internet ”

Independentemente do tamanho da empresa a sua postura perante o seu mercado é crucial para definir como os seus clientes vão interagir com ela.
Então evite abordar questões polemicas nas redes sociais.
Tenha controle do que é postado e da forma que é. Se um texto, vídeo ou imagem pode ser interpretado de forma errada não poste. Uma vez que o mercado tiver uma percepção negativa sobre a sua empresa será bem difícil de recuperar.

Cuidar da sua marca é o principal ativo que a sua empresa deve fazer quando está crescendo ou querendo atingir novos níveis.
Sempre tenha em mente que esse é um trabalho continuo, você deve revisita-lo de tempo em tempos para alinhar com os objetivos da empresa.

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados). Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa em aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

Hora de aparecer para crush… Quer dizer cliente

Quem não é visto não é lembrado.

Escutei essa de um amigo na época de escola. Quando tentava arrumar uma namoradinha. Dentre muitos aprendizados daquela época esse é aquele que permanece mais vivo. Afinal, a empresa que não é lembrada não é procurada e logo não realiza venda.

Na linguagem dos marqueteiros é o que chamam de Branding, mas não é sobre isso que vamos conversar hoje.

Hoje vamos falar de ações práticas que você pode fazer para divulgar melhor a sua marca.

Utilize as Redes Sociais

Esse chega a ser um assunto batido quando começamos a pensar em ações de marketing digital. Pessoas de todas as idades, classes sociais, gêneros e etnias utilizam redes sociais. Hoje em dia, usar essas plataformas para chegar ao seu público é fundamental.
Além de entender sobre o assunto, aprenda sobre suas as métricas e comportamento do seu público nelas. Uma campanha que funciona no Facebook não necessariamente funcionará no Instagram ou Linkedin.

Tenha um Whatsapp Business

O Whatsapp é a maior rede social do país. Praticamente todas as pessoas que possuem um smartphone tem o app instalado. Então ter o um número próprio da sua empresa na modalidade Business se torna fundamental. E com isso criar campanhas que envolvam seus contatos é uma boa pedida.
Mas tenha em mente criar campanha não é ficar mandando mensagens indesejadas para os seus clientes, aqui você pode ler melhor como montar uma estratégia utilizando o Whatsapp.
Use esse canal para ter um vínculo mais direto com seu público-alvo. Responda perguntas e tire dúvidas. Dependendo da resposta das pessoas, será possível até mesmo vender utilizando a ferramenta.

Invista em vídeos

O YouTube alavancou a maneira como consumimos conteúdo em vídeo na internet. Nas redes sociais eles já representam 40% do conteúdo produzido. Então não perca tempo e nem tenha vergonha. Pegue o seu celular e produza o seu vídeo.
Fale de como seu produto pode resolver um problema especifico que os seus clientes possam ter. O importante e manter uma regularidade nas postagens e não ter medo de fazer o vídeo. Com o tempo e o feedback da sua audiência você vai acertando os erros.

Faça estudo de casos de sucesso de clientes

Essa é a matadora de dúvidas dos seus clientes. Reconheça a importância dos seus clientes e convide-os para falar honestamente sobre seu produto.
Além de ser uma forma de mostrar que o seu produto funciona ele mostra pessoas reais que muitas vezes tem o mesmo problema do um prospect seu. E se funcionou para um pode funcionar para outro. Essa é a lógica simples e fácil.

Essas são algumas ações que você deve adotar para começar a aparecer mais para os seus clientes. Todas são gratuitas e não requer investimento além de tempo.

Então não deixe para amanhã, pois o seu concorrente já está fazendo pelo menos uma dessas ações e você não vai querer ficar para traz né?

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados). Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa em aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

Hora de ganhar seguidores reais

O grande segredo para se ganhar seguidores no Instagram é: pare de se preocupar em aumentar o número de seguidores no Instagram.

Então é isso, até o próximo texto.

Brincadeira, sem graça eu sei.

Mas, o segredo é esse mesmo.

Eu sei que parece confuso e você já vai entender.

Vamos listar as dicas mais frequentes que você acha se pesquisar por “como aumentar os seguidores do Instagram”.

  • Use hashtags como #f4f (follow for follow), #sdv (sigo de volta) ou #followme (siga-me) nos comentários de perfis populares ;
  • Siga, e mais tarde deixe de seguir os perfis populares;
  • Curta pelo menos 1.000 fotos com hashtags populares;
  • Contrate um serviço de automação;
  • Curta fotos aleatórias para ganhar seguidores ;

Parece trabalhoso né? E é mesmo. E não há garantia que dê certo.
Aí você resolve contratar um serviço de automação. Nada contra, nós até usamos alguns. Mas ser refém desses serviços pode ser o seu maior erro.

Então o que fazer?
Primeiro responda as seguintes perguntas:

  • QUEM você quer ter como seguidores da sua marca?
  • De ONDE esses seguidores vêm?
  • PORQUE estes seguidores podem estar interessados em você?
  • QUAL o valor que esses seguidores agregarão para o seu negócio?

Se você cria uma estratégia para definir QUEM é o seu público, fica fácil procurar ONDE ele se encontra, saber o PORQUE ele deve seguir você e definir QUAL o valor que cada seguidor representa.

Seguidores reais são aqueles que consomem o seu conteúdo e interagem com ele. Do que vale 10k de seguidores se as suas fotos têm 7 curtidas?
É muito mais válido ter 2k de seguidores com 1.2k de curtidas.

Então vamos falar de algumas estratégias que você pode implementar.

Monte uma estratégia para o Instagram

Para ter um bom retorno sobre o que você investe no Instagram, você precisa, inicialmente, elaborar um planejamento estratégico bem detalhado.

Defina os seus objetivos para essa rede.

Pode ser aumentar o número de vendas ou expandir o conhecimento sobre a marca.
O importante é deixar isso bem claro.
Deixe o o seu público-alvo bem claro e que tipo de conteúdo você vai oferecer para essa audiência. Crie uma identidade visual para a sua conta.
E o que isso quer dizer?
Manter o mesmo estilo e tema das postagens pode fazer com que os seguidores facilmente identifiquem de quem são as publicações.

Manter o mesmo estilo e tema das postagens pode fazer com que os seguidores facilmente identifiquem de quem são as publicações.

Conteúdo de qualidade

Faça disso o seu mantra:

“O conteúdo que você compartilha deve ser sempre de qualidade, relevante e útil para os seus seguidores”.

Fuja do óbvio, do texto que preenche espaços, mas não agrega valor.
Só com conteúdo original e que faça a diferença para a audiência é que você conseguirá promover o estímulo necessário para a audiência curtir, comentar e compartilhar.
Como oferecer esse nível de produção para o público?
Uma boa pesquisa para a criação das suas buyer personas pode ajudar a resolver essa situação e alinhar seus posts de acordo com a expectativa do público.

Promova o seu perfil em outras redes sociais

O Instagram pode ser uma excelente ferramenta para a sua empresa, mas não é a única.
Logo, nada mais interessante do que usar essas outras plataformas para promover e aumentar o tráfego do seu Instagram.
Você pode inserir o link para a sua conta em alguma postagem ou até mesmo na descrição do seu perfil.
Vale até fazer um compilado com seus melhores posts no Instagram e divulgá-los nesses espaços.
Mas antes, certifique-se que o seu público está nessa rede.

Promova seu Instagram offline

Sempre focamos no marketing digital, é a nossa especialidade.

Mas não deixamos de indicar as ações off-line para promover a sua marca.
Afinal, quanto mais alcance, melhor.
Então, além de testar várias maneiras de otimizar seu conteúdo para o algoritmo do Instagram, passe algum tempo tentando promover a sua conta em outros lugares.
O Instagram já está tão popular hoje em dia que muitas pessoas, quando vêem ou ouvem falar de você fora do ambiente digital, podem procurá-lo no Instagram antes mesmo de fazer uma busca no Google.

Use hashtags relevantes

Falar de Instagram e não falar de hashtags chega a ser um crime.
A marcação do jogo da velha, que dá destaque a uma expressão em evidência, é muito usada nas publicações dessa rede social.
Mas é preciso ter cuidado, pois hashtags muito genéricas podem tornar seu post cansativo e irritante.
Para não cometer esse erro estude as hashtag que o seu público está usando.
Dedicar um tempo todo dia para curtir e comentar posts com essas hashtags também pode ser uma boa maneira de incentivar o tráfego, direcionar a atenção de volta ao seu perfil e, assim, conseguir novos seguidores.

Ficamos por aqui.

Com essas dicas o seu perfil já vai começar a melhorar e com certeza os seus seguidores vão começar a interagir mais com o perfil.

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados).

Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

Vamos ver o que a internet está falando sobre…

Já ouviu falar em Google Trends?

Não?

Então me deixe explicar.

Ela é uma ferramenta gratuita que mostra a popularidade de um determinado tópico nas buscas ao longo do tempo.

Trends significa tendências em inglês, então pode se assumir que a ferramenta mostra quais têm sido os assuntos mais pesquisados na sua região ou, quais são as palavras-chave que estão tendo um aumento nas buscas dentro do seu nicho de mercado.

Como isso funciona?

O Google coleta e armazena de forma organizada os dados de pesquisas feitas, tanto na própria plataforma como no YouTube, desde 2004.

Ele remove as informações pessoais e também os termos que são pesquisados por pouquíssimas pessoas ou por uma mesma pessoa num curto período de tempo.

Com isso ele consegue uma base de dados robusta com as buscas mais recorrentes.

Devo usar isso no meu negócio?

Com toda certeza deve.

Como ele pode te ajudar?

De várias formas.

Vem comigo.

  • Para ter ideias de conteúdo:
    • A ferramenta mostra os termos mais pesquisados pelas pessoas. Então se quiser escrever algo que o seu nicho esteja procurando aqui é o local para pesquisar um tema.
  • Para encontrar tendências:
    • Ao pesquisar por palavras-chave relacionadas ao seu negócio, você consegue encontrar o crescimento (ou queda) das buscas relacionadas ao seu mercado.
    • Fique atento para não perder tempo falando o que ninguém está procurando.
  • Para comparar termos:
    • Compare sinônimos ou temas correlatos para verificar qual vale mais a pena usar em sua ação de marketing.
  • Identificar as palavras quentes:
    • Algumas palavras-chave têm sazonalidade, ou seja, elas têm períodos recorrentes de maior procura. Isso quer dizer que vale a pena publicar conteúdo sobre esse assunto durante esse período, porque é quando mais pessoas estão procurando mais, logo, as chances de mais pessoas acessá-lo também são maiores.

Com essas informações você já vai conseguir montar sua estratégia de criação de conteúdo.

Nunca falamos que é fácil.

O resultado de uma estratégia bem-feita de criação de conteúdo passa por várias fases.

Planejamento é o segredo.

Se não acredita pesquise sobre Marketing Digital e veja quanto o termo conteúdo aparece.

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados).

Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa em aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

Faça seu conteúdo chegar ao seu destino

“Postar um conteúdo não é garantia que ele vai ser entregue para toda a sua audiência”.

Parece loucura? Isso é mais comum que imagina.

Você pode investir horas estudando, montando um conteúdo excelente, cheio de informação que vai resolver de vez as dores do seu cliente.

E… simplesmente ninguém vê.

Mesmo impulsionando nas redes sociais ou criando anúncios para o seu site, não é certo que a sua audiência irá receber o seu conteúdo.

Como resolver isso?

É tão simples que é usado desde que a internet foi inventada e ainda é a melhor solução.

Chama-se newsletter.

Uma Newsletter bem estruturada vai te ajudar a entregar o seu conteúdo de forma organizada e sem dar a chance da sua audiência te esquecer.

Afinal, ela será enviada periodicamente e o seu público não precisará lembrar de acessar o site ou blog em busca de novos conteúdos.

Ele só vai ter que abrir o e-mail e a informação estará lá.

Não tem desculpas para não ver.

O que é uma Newletter?

Newsletter é um informativo enviado por e-mail a um determinado grupo interessado a um tipo de conteúdo.

Ela é como uma assinatura online, que chega na caixa de entrada de clientes ativos ou potenciais, os quais manifestaram a intenção de receber esse conteúdo.

Não confunda Newletter com E-mail Marketing.

A Newsletter não tem fins comerciais, seu objetivo é difundir conteúdo de valor e trazer tráfego orgânico para o seu site.

Por que você deve usar?

No marketing digital existem uma infinidade de canais para divulgação e contato com os clientes.

Por isso escolher um que seja de rápido acesso e entregue um conteúdo diferenciado é a meta de qualquer empresa que se aventure por essas águas.

Visando isso, a newsletter tem um poder de capturar novas leads.

Através dela você consegue uma lista de e-mails realmente boa, qualificada, com reais interessados naquilo que oferece.

Basicamente, para se cadastrar em uma newsletter, o usuário precisa deixar seu nome e endereço de e-mail e escolher receber o seu conteúdo.

Com isso, você já conseguiu estreitar o relacionamento entre a empresa e seus consumidores que realmente estão interessados naquilo que sua marca tem a oferecer.

Outro ponto importante é que geralmente as pessoas não trocam de e-mail toda hora, então os contatos que estão na lista não vão desaparecer da noite para o dia.

Essa é a sua chance de aproveitar para informar periodicamente sobre as principais novidades do seu negócio.

Gradativamente, com uma newsletter bem estruturada, o lucro financeiro chega de forma natural.

Não perca tempo e monte a sua Newsletter.

Comece a converter audiência em clientes.

Se ainda tiver alguma dúvida deixa aqui nos comentários ou manda um e-mail para gente.

Vamos conversando e se precisar, a gente te ajuda a criar a sua.

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados).

Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa em aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

O Patinho Feio das Redes Sociais

Com certeza você já ouviu falar do Linkedin.

Mas aposto que você está desperdiçando o potencial do LinkedIn para sua empresa.

A maioria dos usuários dessa plataforma acaba a usando apenas para procurar vagas de emprego ou atualizar quando recebe uma promoção.

A oportunidade passa debaixo do seu nariz e você nem vê.

O LinkedIn para Empresas oferece muitas oportunidades para promover um negócio e é pouquíssimo explorado.

Para você ter uma ideia, dos 500 milhões de usuários ativos hoje, apenas 3 milhões compartilham conteúdo semanalmente.

E você já deve saber que conteúdo é o poder no marketing digital.

Isso é um tremendo desperdício de potencial, já que muitos empreendedores têm nas mãos a chance de alavancar o negócio com as várias oportunidades oferecidas por essa rede social.

Perceba que há a pouca competição no LinkedIn, se você começar agora a fazer a divulgação nele, vai nadar de braçadas na sua concorrência. 

Além de fazer com que o custo por lead na plataforma seja muito mais barato do que em outros canais de comunicação mais concorridos por aí.

E você ainda tem um público muito mais segmentado, o que possibilita que seus anúncios tenham resultados mais eficazes.

Só vantagens.

E você aí só marcando bobeira.

Como funciona para empresas

O LinkedIn é uma poderosa rede social voltada para negócios.

Ela conta hoje com mais de 26 milhões de empresas dos mais diversos ramos e segmentos que buscam mostrar seu trabalho e publicar materiais relevantes.

Essa plataforma é ideal para interagir com o público, atrair novos clientes para o seu negócio e receber feedback dos usuários para assim melhorar o seu desempenho.

Nessa rede, os contatos são chamados de conexões, que possibilita conectar pessoas e empresas que compartilham os mesmos interesses profissionais. São esses contatos que você consegue acompanhar diretamente e alcançar com as suas publicações.

Funciona assim: se você tem 100 conexões e essas 100 também têm outras 100, significa que seu perfil estará disponível a um total de 10.000 conexões quase que diretamente.

E se você quer propagar ideias da sua marca, fortalecer e conquistar tanto clientes quanto profissionais, você tem uma repercussão muito maior nessa rede social.

Aplicando a estratégia de marketing correta, o LinkedIn pode oferecer muito mais que só vagas de emprego e análise curricular.

Ele pode ajudar a impulsionar o crescimento do seu negócio e alavancar seu reconhecimento como autoridade na área.

Incluir essa rede social hoje na sua estratégia de marketing é uma boa pedida, também é possível interagir com gente da mesma área e trocar experiências com pessoas que podem te oferecer conexões para futuros negócios.

Mesmo sendo uma rede social pouco usada os resultados de uma boa campanha para ele tendem a render bons frutos, e não demoram para converter em clientes e negócios fechados.

Então vamos olhar para fora da caixa e aproveitar as oportunidades que temos.

Depois não venha falar que ninguém falou dessa oportunidade hein.

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados).

Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa em aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

Vamos ser “diferentões”

Os Stories dominaram as redes sociais e está presente não apenas no Instagram, como também no Facebook e no WhatsApp.

Agora a pergunta de um milhão de reais: você utiliza esse recurso para chamar a atenção da sua audiência?

Se a resposta for não, então vale a pena considerar essa possibilidade e eu vou te dar alguns bons motivos para isso:

  • O Facebook Stories para páginas de empresas costuma funcionar muito bem.
  • É uma estratégia interessante para promover o engajamento e interação dos seus seguidores.
  • Te ajuda a se aproximar dos seus potenciais clientes
  • Capturar leads e até mesmo encaminhar os usuários para a conversão desejada.

Se esses não são motivos suficientes, então você não está afim de ganhar dinheiro e conquistar cada vez mais clientes.

Afinal, o que é realmente o Facebook Stories e para que serve?

O Facebook Stories é um recurso da maior rede social do mundo.

São coleções curtas de fotos e vídeos gerados por um usuário pessoal ou página de negócios.

O conteúdo é disponibilizado por apenas 24 horas, desaparecendo automaticamente depois disso.

Quando você adiciona uma foto ou um vídeo à sua história, ela aparece na seção Stories, na parte superior tanto do seu feed de notícias quanto do feed dos seus seguidores.

Sabe que ótima vantagem o Stories tem? Ele alcança mais pessoas que o feed normal!

Vamos listar algumas características dessa função para você entender melhor:

Duração

Os vídeos podem ter até 20 segundos de duração.

Esse é um diferencial importante a saber sobre a ferramenta.

O Facebook Stories permite que você crie vídeos por até 20 segundos antes que o círculo de gravação se complete.

Fique atento a esse tempo quando criar seu conteúdo.

Você pode salvar histórias no seu rolo de câmera

Quando terminar de criar a sua história, pressione a seta para baixo para salvar o conteúdo no rolo da câmera ou a seta central para compartilhar.

Você pode enviar uma mensagem direta para qualquer um de seus amigos, postar na sua linha do tempo ou adicionar à sua história.

Tem a opção de compartilhamento direto

Com o Facebook Stories, você pode optar por compartilhar diretamente com pessoas específicas, que você seleciona, graças ao mecanismo de compartilhamento direto.

Seus amigos escolhidos poderão ver a sua foto ou vídeo uma vez, reproduzi-los e escrever uma resposta.

Você consegue identificar quem viu a sua história

Para conferir quem viu sua história, faça o que você faria usando qualquer um dos outros aplicativos já mencionados anteriormente.

Clique na sua história e vá para o ícone da vista no canto inferior direito.

Caso mude de ideia e resolva excluir algo postado, pressione o botão de três pontos no topo.

É tudo bastante intuitivo e fácil de usar.

Dicas de como usar

Compartilhe cenas dos bastidores da sua empresa

Este é talvez o uso mais corriqueiro para o Facebook Stories:

  • Compartilhar mais de sua vida e se aproximar do seu público com cenas dos bastidores da sua empresa.

Essas ações permitem que o seu público entenda mais a sua rotina e comece a se interessar por ela.

É uma excelente forma de criar vínculos mais próximos com o público.

Demonstre conhecimento

Compartilhe dicas sobre temas relacionados ao seu produto ou à sua empresa.

Esse tipo de conteúdo funciona bem para agregar valor extra ao seu público.

Também ajuda a posicioná-lo como uma autoridade no seu segmento de mercado, o que é sempre importante.

Fique sempre de olho no feedback do seu público.

Promova ofertas exclusivas

Esse é um excelente espaço para promover ofertas exclusivas apenas para as pessoas que vêem seus stories.

Para criar uma audiência de clientes em potencial, é importante avisar aos seus seguidores que você libera ofertas limitadas por meio de histórias para incentivar esse engajamento.

É uma estratégia interessante para conquistar não apenas clientes, mas fãs e divulgadores da sua empresa.

Faça parcerias estratégicas

Se você deseja gerar um impacto significativo no Facebook, uma boa opção é fazer parceria com algum influenciador para promover o seu negócio através de suas histórias.

É necessário também que essa parceria represente algo benéfico tanto para a empresa quanto para o influenciador, para que a estratégia possa ser colocada em prática novamente no futuro.

Essas foram algumas dicas de como esse recurso pode ser muito importante para a sua empresa.

Ele é fácil de usar e está na mão de qualquer pessoa.

Não deixe para depois e comece a usar essa ferramenta no seu negócio.

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados).

Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa em aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

Não seja o chato do rolê

Investir em novas formas de alcançar o seu público é sempre bom, principalmente se seus recursos estão apertados.

Se esse é o caso, tenho uma boa notícia.

O WhatsApp Marketing pode ser a sua salvação.

Essa é uma das formas mais acessíveis de se fazer contato com os seus clientes tendo respostas rapidamente.

Ele tem um potencial absurdo de chegar ao seu público, não importa qual seja ele.

No Brasil, 96% dos usuários de smartphones têm o WhatsApp.

É provável que se o seu prospect está vivo, ele tem um WhatsApp e pode estar aguardando a sua mensagem agora.

Mas adotar uma estratégia para ele não é fácil.

Justamente por todo mundo ter acesso, essa ferramenta também é a uma das recordistas de deslizes e erros.

Muita gente acha que sabe usar o WhatsApp Marketing, mas são essas pessoas que acabam virando o chato que manda mensagem toda hora.

Vamos te ajudar com algumas estratégias para você se destacar no meio.

Relacionamento

O WhatsApp Marketing é uma ótima forma de você oferecer um tratamento exclusivo, com respostas imediatas.

Se quiser montar um canal de atendimento rápido e fácil para responder as dúvidas dos clientes, o WhatsApp é a melhor opção.

Ele conta com uma taxa de abertura de 70% e isso significa que o seu cliente provavelmente vai abrir a sua mensagem.

Porém, antes de sair disparando mensagem pense, eu tenho como dar suporte para os clientes?

De nada adianta tentar colocar essa estratégia em prática e ficar sem responder o seu cliente por horas.

Envio de promoções

Utilizar o WhatsApp para vendas é uma das estratégias mais utilizadas pelas empresas atualmente.

Ao utilizar esse recurso é uma boa estratégia que sejam ofertas exclusivas para a sua audiência e de forma limitada para trabalhar mais a urgência da oferta.

Notícias e conteúdo de muito valor gratuitamente

Você não precisa enviar apenas promoções e os melhores preços para os seus clientes.

Experimente também enviar notícias que tenham a ver com o seu ramo de atuação.

Isso mostra uma preocupação do empreendedor com os usuários, além de estar atento ao mercado e as últimas novidades, gerando autoridade.

Prestação de serviço

Dependendo do seu negócio, muitas vezes você consegue fazer a prestação de um serviço já no WhatsApp.

Aproveite a oportunidade de trocar mensagens instantâneas e em tempo real para criar um atendimento personalizado com experiências únicas para o cliente.

Lembre-se que, no fundo, sua empresa existe para resolver problemas e dores da audiência.

Nunca faça spam

Mensagens indesejadas, que não acrescentam em nada também não passam uma boa impressão do seu negócio.

Em vez de se conectar com a marca, a pessoa vai ficar cada vez mais distante e criar uma resistência com a empresa.

Se você começar a enviar mensagens para pessoas que não querem receber, ou encher a caixa de mensagens dos seus clientes, pode ter certeza que isso terá um efeito negativo no seu negócio.

Planejamento

Antes de sair enviando mensagens para os seus clientes pelo WhatsApp, defina como você quer posicionar a sua marca na plataforma.

Afinal, planejar suas ações é ideal em qualquer estratégia de marketing digital.

Estabeleça esses pontos já é um bom caminho:

  • Definir os conteúdos que serão enviados;
  • Quais horários as suas mensagens serão enviadas;
  • Qual o melhor período do dia para conversar com a sua audiência;
  • Em quais situações você vai enviar uma nova mensagem;

Com essas dicas você já vai conseguir começar a implementar a sua estratégia de WhatsApp. Se precisar de ajuda é só chamar.

Se quiser aumentar as suas vendas na utilizando as ferramentas digitais conheça o S.A.R (Sistema de Aceleração de Resultados).

Esse sistema desenvolvido por nós da Networking Assessoria visa em aumentar as suas vendas em até 30% em um mês.

SEO pra que te quero: Aprenda como funciona a busca no Google

Como você faz quando precisa saber que horas tem um bom filme passando?

Como se informa sobre o resultado do jogo do seu time?

Como encontra um bom médico na região que mora ou proximidades?

Você pode pedir informações à alguém próximo, claro, mas hoje uma das maneiras mais práticas é uma rápida procura no Google.

Já não é de hoje que a ferramenta de pesquisa se tornou uma peça essencial na nossa vida diária, e percebendo isso, o Google constantemente se aperfeiçoa para nos dar a melhor experiência possível, apresentando o melhor resultado para as pesquisas que fazemos.

E é aí que entra um bom trabalho de SEO.

Mas antes vamos entender do que se trata essa área do marketing digital.

SEO vem da sigla Search Engine Optimization (Otimização para mecanismos de Busca) e se dedica a fazer todo um trabalho com palavra-chave, link building e outras estratégias para potencializar seu site na melhor posição nas ferramentas de busca.

Um SEO bem feito aumenta as chances do seu site ser visitado, aumenta sua notoriedade, relevância e possivelmente a conversão em vendas.

Entendendo o Google

Agora vamos entender como o Google faz esse tipo de trabalho, como ele faz para posicionar um site em preferência de outro na sua página.

O Google conta com bots, inteligências artificiais dedicadas a trabalhar um aspecto diferente da sua experiência como usuário.

Já viu que quando você digita, por exemplo, “pó de arroz”, ele pode não te mostrar uma página com receitas de arroz, mas sim posts sobre o Fluminense?

É por que o Google segue constantemente aprendendo sobre suas preferências para te proporcionar um uso mais personalizado.

Existem os bots que:

  • cuidam da sua geolocalização;;
  • verificam conteúdo;
  • trabalham semântica (o termo “fogão” que pode se aplicar tanto ao item de cozinha quanto ao time de futebol);
  • que aprende cada vez mais com suas buscas, assim te sugerindo novos resultados dentro do campo de pesquisa;
  • a experiência para usuários de celular;
  • verificam links de sites em outros sites, para lhes dar relevância (se um site é citado em outro site, ele deve ser referência naquele assunto).

Com isso, percebe como é importante você ter um trabalho de preparar o seu site e seu conteúdo para se ter uma boa visibilidade para os usuários?

  1. Sites Patrocinados (em azul)
  2. Resultados Orgânicos (em verde)

Quando fazemos uma pesquisa como a do exemplo acima (camisas do Flamengo) recebemos esses dois tipos de resultados:

  • os sites patrocinados (que pagaram ao Google para aparecer em primeiro na sua pesquisa)
  • os resultados orgânicos.

É importante entender a diferença, pois,  só o segundo caso executa o SEO.

Os resultados vão aparecendo nas posições iniciais de acordo com sua relevância e autoridade, proporcionando a melhor experiência para o usuário.

A Loja do Flamengo ter aparecido primeiro não quer dizer que por ter digitado “Flamengo” ela apareceria, mas sim que ela fez um trabalho estratégico por trás para aparecer e se manter nessa primeira posição.

Diferente se eu digito “Loja Oficial do Flamengo”, já que aí eu estaria especificamente procurando pelo site da loja oficial.

O Google pesquisa duas coisas muito importante nos sites:

  • Indexação (quando ele entra na sua página para confirmar a existência dela);
  • Ranqueamento (quando o google passa a ler o seu site para melhor posicioná-lo, de acordo com a facilidade para o usuário);

O Google avalia os sites baseados na sua tecnologia, autoridade e melhor experiência para o usuário

Planeje para gerar resultados

Agora que você sabe como o Google ranqueia os sites e quem tem preferência para aparecer primeiro, o que você deve fazer para se tornar relevante?

Em primeiro lugar, tenha em mente que um trabalho de SEO não gera resultados imediatos, quem te garantir isso estará mentindo.

Um bom trabalho leva no mínimo 3 meses para começar a gerar resultados.

Então você precisa se planejar.

Que tal algumas dicas para ajudar nisso?

  • Seja especialista naquilo que você se propõe: Desde 2018 o Google passou a dar mais relevância para os sites EAT (Experiência – Autoridade – Tecnologia) para o usuário. Focar em apenas um nicho ajuda bastante nisso. Aqui na Networking, somos especialistas em geração de ofertas com o uso de Whatsapp Mailing;
  • Entenda o mercado que você quer atuar: Pesquise para entender mais sobre o cliente que você quer atingir. Uma boa dica para isso são os blogs, assim você entende a necessidade dele e ainda se torna referência no assunto;
  • Não brigue com os sites grandes: Como você está começando, não queira bater de frente com sites que já estão sólidos. O nicho aqui é muito importante, procure ser o mais específico possível no seu produto e foque nisso. Uma ótima dica para isso é trabalhar o longtail. Você não pode ser o principal procurado quando se pesquisa “bola de futebol”? Então seja aquele que aparecerá de cara quando buscarem “bola de futebol para futsal infantil”; A pessoa que faz essa busca tem muito mais chance de ser convertida em um cliente;
  • Faça uso de palavras-chave: Como você está focado em ser o mais nichado possível o mais indicado é que você aprenda como o cliente que você quer atingir pesquisa na internet. Fique de olho nos períodos de sazonalidade. Por exemplo, se você é um e-commerce que depende dos correios para fazer entregas, precisa ficar ligado nos períodos de greve para se antecipar a isso e traçar uma estratégia.

Mãos à obra

Agora que você já sabe o que precisa fazer para começar a alavancar seu site, não há jeito fácil: é mãos à obra e paciência.

O trabalho de SEO pode ser implementado para trazer vários benefícios.

Nós da Networking podemos te ajudar a trazer a notoriedade e visibilidade que você deseja para o seu negócio.

Se ficar complicado demais, vem falar com a gente.